GLOSSÁRIO DE TERMOS ENCONTRADOS NESSE SITE

 

Se você quiser ver todo o glossário em uma página simplificada para impressão, clique aqui.

 

a | b | c | d | e | f | g | h | i | j | k | l |m | n | o | p | q | r | s | t | u | v | w | x y | z 

h

hádron: em física de partículas elementares - nome genérico das partículas elementares que se relacionam através de interação forte.

hélio: em química - elemento químico de número atômico 2, da família dos gases nobres (símb.: He). Usado na refrigeração de reatores nucleares, para inflar balões e dirigíveis, em anúncios luminosos, para diluir oxigênio no equipamento de respiração para mergulhos, com fins terapêuticos etc.

hemácia: célula do sangue dos vertebrados, anucleada no homem e nos demais mamíferos, e que, devido a sua configuração e à presença de hemoglobina, tem como principal função o transporte de oxigênio; corpúsculo vermelho, glóbulo vermelho, eritrócito.

hematoma:
em patologia - acúmulo de sangue em um órgão ou tecido após uma hemorragia.

hematopoiese: formação e desenvolvimento das células sangüíneas; hemopoese, hemopoiese, hematopoese.

hematopoiético: relativo a hematopoiese; que forma os glóbulos sangüíneos (diz-se de órgãos como a medula óssea e o tecido linfóide).

hematose: em fisiologia - transformação do sangue venoso em arterial, por meio de oxigenação nos pulmões.

hematúria: em patologia - presença de sangue na urina; hematuria.

hemiparesia: em neurologia – hipertonia do tipo elástico, comumente observada em lesões da via piramidal, em que há hemiparesia ou hemiplegia.

hemiplegia: em neurologia - paralisia total ou parcial da metade lateral do corpo.

hemocitoblasto: denominação utilizada para designar a célula-tronco pluripotente, da medula óssea, de origem mesenquimatosa, e que, por sua vez, forma todos os elementos do sangue. Ao dividir-se, produz uma célula-filha, que é a réplica da célula-mãe, e outra que se diferencia, nos microambientes do tecido medular ou sob a influência de mediadores químicos, para especializar-se na produção de determinado tipo de célula sangüínea.

hemoglobina: proteína existente no interior das hemácias, no plasma e em certas plantas e cuja principal função é o transporte de oxigênio.

hemorragia: em medicina - escoamento de sangue fora dos vasos sangüíneos.

heparina: em bioquímica: substância anticoagulante natural, presente especialmente no fígado (usada em afecções em que se teme uma trombose).

hérnia de disco: protrusão de um disco intervertebral, degenerado ou fragmentado, para dentro do forame intervertebral, comprimindo a raiz nervosa.

herpes: em dermatologia, infectologia: designação genérica de várias dermatoses inflamatórias causadas por Herpesvirus e caracterizadas pela erupção de grupos de vesículas que, ao se romperem, provocam dor.

hertz: unidade de freqüência no sistema internacional de unidades (SI), equivalente à freqüência de um fenômeno periódico cujo período tem a duração de um segundo (símbolo: Hz).

heterotrófico: que é incapaz de produzir o próprio alimento e se nutre de outros seres vivos (diz-se de organismo); alotrófico.

hidrólise: reação de decomposição ou alteração de uma substância pela água (p.ex., de um cátion com água para formar uma base fraca e de uma base para formar um ácido fraco).

hidrolítica: referente a hidrólise.

hidrônio: em química - íon (H3O+) resultante da reação de água com H+; hidroxônio, oxônio.

hidroperóxido: Função da química orgânica, caracterizada pelo grupo funcional R-O-O-H (em que R é alquila ou arila), ou este grupo; qualquer substância orgânica que contém o grupo hidroperóxido.

hidróxido: em química - designação genérica das bases que contêm hidroxila.
hidróxido de amônia: em química: substância (NH4OH) resultante da solução aquosa do amoníaco, usado como intermediário químico, reagente analítico etc.

hidroxila: em química - o grupamento monovalente OH, presente nas bases ou hidróxidos; oxidrila.

hidroxitriptamina: o mesmo que serotonina.

hifa: unidade estrutural vegetativa da maioria dos fungos, que possui aparência filamentosa, podendo ser ou não dividida por septos transversais.

hiperativo: excessivamente ativo; próprio ou relativo a hiperatividade; que ou aquele que sofre de hiperatividade

hipercalcemia: em patologia - presença de quantidade excessiva de cálcio no sangue, ou a condição orgânica assim caracterizada, muitas vezes acompanhada de sintomas, como fadiga fácil, fraqueza muscular, náuseas, anorexia.

hipersensibilidade: sensibilidade excessiva; em imunologia: reação imunitária excessiva a um antígeno; em patologia: aumento anormal da sensibilidade a qualquer tipo de estímulo.

hipertensão: tensão acima do normal exercida pelo sangue sobre as paredes dos vasos de um determinado órgão; pressão alta, tensão alta, hipertensão arterial.

hipertensivo: em patologia - relativo a hipertensão.

hipertireoidismo: em patologia: presença no sangue de quantidades excessivas de hormônio da tireóide (seja devido a funcionamento anormal de glândula, seja por administração farmacológica) ou o estado orgânico resultante, que se manifesta por intensificação da atividade metabólica do organismo, aumento do volume da tireóide, emagrecimento, taquicardia e outros sintomas; hipertiroidismo.

hipertiroidismo: v. hipertireoidismo.

hipertonia: em biologia - característica de uma solução que apresenta maior concentração de solutos do que outra; hipertonicidade; em medicina - tensão excessiva (diz-se de músculos ou artérias); hipertonicidade.

hipertônico: relativo a hipertonia; caracterizado por hipertonia (diz-se de solução); espástico ; que apresenta hipertonia ('tensão').

hipnose: em psicologia: estado semelhante ao sono, gerado por um processo de indução, no qual o indivíduo fica muito suscetível à sugestão do hipnotizador; todo estado de passividade semelhante ao do sono, artificialmente provocado numa pessoa pela absorção de produtos químicos ou especialmente por meio da sugestão; torpor, sonolência.

hipnótico: relativo a hipnose; sonífero.

hipófise: glândula endócrina, de funções múltiplas, localizada na parte inferior do cérebro; glândula pituitária; pituitária. Entre outras coisas, regula a atividade de outras glândulas, como a tireóide e a supra-renal.

hipoglicemia: em patologia - diminuição da quantidade normal de glicose no sangue.

hipotermia: diminuição excessiva da temperatura normal do corpo, às vezes provocada artificialmente para fins terapêuticos ou para facilitar cirurgias cardíacas; método de cura de diversos males por meio do frio.

hipóxia: em medicina - diminuição das taxas de oxigênio no ar, no sangue arterial ou nos tecidos, o que pode levar à anóxia; hipoxia.

histamina: em fisiologia: amina (C5H9N3) formada a partir do aminoácido histidina e liberada pelas células do sistema imunológico durante reações alérgicas, causando dilatação e maior permeabilidade de pequenos vasos sangüíneos (é a substância responsável pelos sintomas de inchaço e irritação presentes em alergias); em farmacologia: forma comercializada dessa substância, obtida da histidina, e usada principalmente no diagnóstico de funções gástricas e circulatórias.

histidina:
em bioquímica: um dos aminoácidos (C6H9N3O2) de carga elétrica negativa que compõem as proteínas, usado como suplemento nutricional.

histologia: disciplina biomédica que realiza estudos da estrutura microscópica, composição e função dos tecidos vivos.

histológico: relativo a histologia.

holismo: abordagem, no campo das ciências humanas e naturais, que prioriza o entendimento integral dos fenômenos, em oposição ao procedimento analítico em que seus componentes são tomados isoladamente (p.ex. a abordagem sociológica que parte da sociedade global e não do indivíduo); em medicina e psicologia - doutrina médica e escola psicológica que considera os fenômenos biológicos e psicológicos como totalidades irredutíveis à simples soma de suas partes; em filosofia e lingüística - na filosofia da linguagem, teoria que considera o significado de um termo ou sentença unicamente compreensível se for considerado em sua relação com uma totalidade lingüística maior, através da qual adquire sentido.

holista: adepto do holismo.

holístico: relativo a holismo; que busca um entendimento integral dos fenômenos; holista.

homeostase: v. homeostasia.

homeostasia: em biologia: processo de regulação pelo qual um organismo mantém constante o seu equilíbrio [termo criado pelo fisiologista americano Walter Cannon (1871-1945)]. Em fisiologia: estado de equilíbrio das diversas funções e composições químicas do corpo (p.ex., temperatura, pulso, pressão arterial, taxa de açúcar no sangue etc.).

hormônio: molécula produzida por glândulas endócrinas ou células especializadas de animais e secretada geralmente em pequenas quantidades na corrente sangüínea, exercendo um efeito fisiológico específico sobre uma ou mais partes do corpo.

humor aquoso: em anatomia: líquido transparente que ocupa o espaço entre o cristalino e a córnea do olho.
Hz: o mesmo que hertz.

voltar ao topo

Todos os direitos e imagens reservados - Clínica de fraturas Zona Norte | Design by Midhaus