GLOSSÁRIO DE TERMOS ENCONTRADOS NESSE SITE

 

Se você quiser ver todo o glossário em uma página simplificada para impressão, clique aqui.

 

a | b | c | d | e | f | g | h | i | j | k | l |m | n | o | p | q | r | s | t | u | v | w | x y | z 

i

idiopatia: em medicina - afecção que não é decorrente de outras, que tem origem espontânea, que existe por si só; preferência particular por algum objeto.

idiopático: relativo a idiopatia; que se forma ou se manifesta espontaneamente ou a partir de causas obscuras ou desconhecidas; não associado a outra doença; peculiar a um indivíduo.

ilíaco: o mesmo que coxal. Osso chato, largo e par (simétrico) que constitui a parte anterior e lateral da bacia; junto com o sacro e o cóccix, formam a estrutura rígida de sustentação da bacia. Lateralmente, se articula com o femur e, medialmente, com o sacro; relativo ou pertencente às paredes laterais da bacia.

implante: ato ou efeito de implantar(-se); implantação; material retirado do próprio indivíduo, de outrem ou artificialmente elaborado que é inserido ou enxertado em uma estrutura orgânica, de modo a fazer parte integrante dela; qualquer material natural (p.ex., um tecido) ou artificial (p.ex., um marca-passo) inserido ou enxertado no organismo; célula ou fragmento de tecido, especialmente de tumores, que migra para outro local do organismo, com subseqüente crescimento.

impulso cardíaco: impulsos, normalmente rítmicos, gerados a partir de um sistema eletrógeno no interior do coração (v. sistema especializado excitatório e condutor do coração), especializado e que também conduz esses mesmos impulsos. Esse sistema é suscetível à lesão por doença cardíaca, em especial pela isquemia dos tecidos resultante do fluxo sangüíneo coronário insuficiente. A conseqüência é, geralmente, ritmo cardíaco anormal, ou seqüência anormal da contração das câmaras cardíacas. Isto resulta em eficiência contrátil (bombeamento) gravemente afetada, a ponto de levar à morte.

impulso nervoso: o mesmo que potencial de ação.

imunoglobulina: proteína do soro sangüíneo, sintetizada pelos plasmócitos provenientes dos linfócitos B como reação à entrada no organismo de uma substância estranha (antígeno); anticorpo.

imunologia: em biologia, medicina: especialidade biomédica que estuda o conjunto dos mecanismos de defesa do organismo contra antígenos.

imunológico: relativo a imunologia.

imunorregulador:
diz-se de ou produto que regula as reações imunitárias.

inativar: fazer ficar ou ficar inativo.

incisura: designação genérica de depressão ou chanfradura, tal como ocorre, p. ex., em certos ossos; incisão.

incisura vertebral: depressão ou chanfradura em cada pedículo vertebral, sendo profunda na vértebra superior e rasa na inferior. A união das duas incisuras vertebrais forma o forame de conjugação.

incógnita: em matemática - grandeza a ser determinada na solução de uma equação, de um problema (símb.: x).

inconsciência: qualidade, caráter ou estado de inconsciente; ausência de consciência; estado de quem perdeu a consciência, de quem não mais tem consciência de si mesmo ou do mundo; torpor, desfalecimento; caráter de fenômenos que, por sua natureza, são inacessíveis ao campo da consciência; caráter do que é feito de forma mecânica, irrefletida, sem a intervenção consciente da vontade; automaticidade; ausência de discernimento, lucidez, senso crítico; cegueira, irreflexão, leviandade; falta de senso moral ou de justiça.

incruento: não cruento; em que não há ou que se obtém sem derramamento de sangue; que não é sanguinário ou cruel; em cirurgia: não cirúrgico [p.ex.: tratamento incruento (não cirúrgico)].

indicador: em química - substância cuja cor em solução se modifica com o pH, servindo assim para medição da acidez do meio; indicador (substância), índice.

infecção: ação ou efeito de infeccionar(-se); qualidade do que está infeccionado; introdução (em alimento, ar, etc.) de germes ou de elementos nocivos; contaminação, contágio; em patologia: enfermidade causada pela presença e desenvolvimento no interior do organismo de uma ou mais variedades de agentes vivos patogênicos (bactérias e vírus); v. infestação.

infeccioso: que resulta de infecção (ex.: doença infecciosa); que causa infecção (ex.:germe infeccioso).

inferior: em anatomia, significa mais próximo da extremidade inferior.

infertilidade: estado do que é infértil ou improdutivo.

infestação: ato ou efeito de infestar; em medicina - qualquer infecção por parasitas macroscópicos (como piolhos, vermes etc.), que se instalam na superfície ou no espaço interior de um órgão tubular (geralmente, a cavidade dos intestinos).

infestar: causar infestação em.

inflamação: processo patológico fundamental, caracterizado por dor, calor, rubor, edema e perda da função, que se desenvolve como resposta a dano ou estímulo patológico causado por agente físico, químico e/ou biológico.

inflamatório: relativo a inflamação; flogístico; que causa, denota ou em que há inflamação.

infravermelho: diz-se de ou a radiação eletromagnética cujo comprimento de onda se situa na faixa que vai de 0,75 mícron (limite do comprimento de onda da luz vermelha visível) a 1.000 mícrons.

inguinal: relativo à ou próprio da virilha.

ino-:
antepositivo do grego ís, inós ‘músculo, tendão, fibra, nervo’, em compostos em relação ou presença de fibras musculares ou de tendões, na terminologia das biociências, do séc. XIX em diante: inocarpina, inocarpo, inocéramo, inocistomia, inócito, inocondrite, inocondroma, inogênese, inogenose, inogenótico, inoglioma, inoimenite, inomioma, inomiosite, inosclerose, inosclerótico, inosemia, inosêmico, inosina, inosínico, inosite /inosita, inositol, inositólico, inositúria /inositúria, inotagma, inotrópico, inotropismo, inoxixoma, etc.

insidioso: que arma insídias; que prepara ciladas; enganador, traiçoeiro, pérfido; que parece benigno, mas pode ser ou tornar-se grave e perigoso (diz-se de mal, enfermidade etc.).

insuficiência renal: em urologia - redução da capacidade renal de filtração e eliminação de dejetos do sangue, controle do equilíbrio hidroeletrolítico e regulação da pressão sangüínea.

insulina: em bioquímica - hormônio secretado pelo pâncreas, com importante função no metabolismo dos carboidratos no sangue.

integrina: em histologia: superfamília de proteínas transmembrana da superfície celular, que estão, em geral, envolvidas na aderência aos componentes da matriz extracelular ou a outras células.

interfalangiano: em anatomia geral: que se localiza entre falanges.

intermédio: no corpo, significa situação entre duas formações das quais uma é lateral e a outra medial.

internista: clínico, generalista, policlínico.

interno: em anatomia, significa mais próximo do centro de um órgão ou de uma cavidade.

interstício: pequeno espaço entre as partes de um todo ou entre duas coisas contíguas (p.ex., entre moléculas, células, dedos etc.); fenda, greta.

intestino delgado: parte do intestino em que se completa a digestão, e que se estende do piloro ao ceco, abrangendo o duodeno, o jejuno e o íleo.

intestino grosso: parte do intestino que se estende do íleo ao ânus, formando um arco em volta das circunvoluções do intestino delgado e abrangendo o ceco, o colo, o reto e o canal anal.

invasivo:
relativo a invasão caracterizado por agressão militar; tendente a invadir; hostil, agressivo; que tende a se alastrar ou propagar (por um organismo, por um terreno etc; p.ex., células cancerosas, ervas daninhas; que envolve penetração num organismo ou em parte dele (como por incisão ou inserção de um instrumento).

isospin: em física de partículas elementares - o spin isotópico [símb.: I].

isquemia: insuficiência localizada de irrigação sangüínea, devida à obstrução ou constrição arterial, ocorrendo em maior ou menor grau.

isquiático:
relativo ao ísquio ou à articulação do quadril; ciático.

voltar ao topo

Todos os direitos e imagens reservados - Clínica de fraturas Zona Norte | Design by Midhaus